sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Secretaria Municipal de Educação realiza colação de grau dos doutorandos do ABC do Pré-II


A Prefeitura de Angicos, através da secretaria municipal de Educação realizou nesta quinta-feira, 18, o Centro Municipal de Educação Infantil Dom Manuel Tavares realizou a solenidade de colação de grau dos pequenos DOUTORANDOS DO ABC – A turma Professora Katia Suzana da Cunha, teve como padrinhos Alice de Medeiros Alves e Jorge Luiz da Cunha, e patronesse Cinara Dantas. Um grande público presente prestigiou a festa dos pequenos doutores do ABC.



Uma tarde/noite muito especial para 102 formandos, das quatro turmas do Pré-II das professoras Cristiany Ranize, Elza Maria, Norma Lopes, Idelmara Lopes, Edna Nogueira, Ayra Moab e Katia Suzana, para eles esta etapa não é o fim, mas o princípio de uma longa caminhada cheia de sonhos e conquistas. Fato histórico na educação do município é que os pequeninos doutorandos assinaram seus próprios diplomas, ou seja, já saíram do Pré-II com o domínio da escrita e leitura. 





A solenidade aconteceu no Clube Municipal de Angicos e contou com a presença do prefeito Junior Batista, da secretária municipal de Educação, professora Cinara Dantas, da diretora do centro infantil, professora Kenia Kyara, da vice-diretora, Talita Macedo, do pároco da cidade, padre Severino Neto, da suplente de vereadora, Aluenia Alves.

Tudo de forma especial foi planejado com muito zelo em um ambiente inspirado no mundo infantil, envolvendo a temática do ABC para acolher as famílias, os convidados e as principais estrelas da festa: os doutorandos do ABC, que fizeram bonito no desempenho desde a entrada até a tradicional valsa, durante o evento.

Os formandos receberam seus respectivos diplomas assinados por eles próprios e em seguida receberam a benção sacerdotal do padre Severino da Silva Neto, pároco de Angicos.


A secretária de Educação professora Cinara Dantas com um dos diplomas dos formandos assinado pelos mesmos em mãos mostra que a educação da rede municipal de ensino de Angicos não é feita de aparência. “Este foi de fato um momento inédito para a história da educação infantil do município de Angicos, parabenizamos e agradecemos aos professores, a direção, funcionários, merendeiras, enfim, às equipes escolares que não mediram esforços para que esta festa se concretizasse numa encantadora e acolhedora celebração de formatura do ABC para o município. Agradecemos ao prefeito Junior que não mede esforços na melhoria da educação de nosso município”, discursou emocionada a secretária Cinara Dantas.



O prefeito Junior Batista falou da sua alegria em poder participar e proporcionar momentos como este no município. “Nossa missão é poder investir na educação, vamos assegurar ações de investimentos desde a educação infantil o ensino de qualidade e para isso contamos com a colaboração de vocês professores, funcionários e as famílias angicanas e assim teremos uma educação de qualidade cada vez melhor”, finalizou o prefeito Junior Batista.


Logo após o evento de diplomação foi servido um jantar aos presentes. 

Confira mais fotos abaixo:































Prefeitura de Angicos antecipa pagamento do 13º salário dos servidores municipais, proventos começaram a ser pago nesta quinta, 18


Os servidores ativos da Prefeitura Municipal de Angicos incluindo os funcionários inativos e comissionados receberam antecipadamente a segunda parcela do 13º salário. O valor, correspondente a 50% do vencimento, e já se encontra creditado na conta dos funcionários públicos já desde esta quinta-feira, 18 de dezembro.
Esta é uma medida boa porque muitos servidores têm seus compromissos, poupanças, investimentos e necessidades financeiras para o final de ano. A prefeitura de Angicos, através do prefeito Junior Batista, tem trabalhado em parceria com os servidores, a gestão tem dado ter o devido respeito, principalmente, com relação ao pagamento sempre em dia mesmo com as dificuldades financeiras em que as prefeituras que sobrevivem praticamente do FPM.
Os servidores poderão programar tranquilamente seus orçamentos para as datas festivas de final de ano (Natal e Réveillon). Quem também ganha com esse feito por parte da gestão municipal é a economia local. Esta ação é resultado do planejamento executado pela prefeitura de Angicos sempre pensando na valorização dos servidores.
A primeira parcela do décimo terceiro já tinha sido disponibilizada no período de aniversário natalício de cada servidor. Já a segunda parcela começou a ser paga nesta quinta-feira, 18.

MPF firma TAC com empresas sobre passeios aos Parrachos de Pirangi


Objetivo é reforçar a proteção ao meio ambiente e estabelecer regras para o desenvolvimento do turismo sustentável na região. Idema, Capitania dos Portos, SPU e ONG Oceânica também assinaram termo

O Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF) assinou um termo de ajustamento de conduta (TAC) com as quatro empresas que operam os passeios aos parrachos de Pirangi. O acordo firmado também pelo Idema, Secretaria do Patrimônio da União (SPU), Capitania dos Portos e ONG Oceânica aperfeiçoa medidas já previstas em um TAC assinado em fevereiro de 2010 e ainda estipula novas regras, com objetivo de reduzir os danos ambientais e aumentar a segurança dos visitantes.

Os detalhes finais do TAC foram definidos em uma reunião na manhã desta quinta-feira (18), presidida pelo procurador da República Victor Mariz, e que contou com a participação dos representantes da Capitania dos Portos, capitão de Fragata Alexander Neves de Assumpção; da ONG Oceânica, o gestor de recursos Guido Grimaldi; da superintendente estadual da Secretaria do Patrimônio da União, Yeda Cunha; e do diretor geral do Idema, Manoel Jamir Júnior.

Pelas empresas participaram os representantes da Canguru Passeios Náuticos, Francisco Kleber Ferreira; do Marina Badauê, Gastão Grossmann Cabral; da Terra Molhada Turismo e Aventura, Paloma Pereira; da Ponira Náutica, Maurício Ferreira; e ainda da Marina Litoral Sul, representada por Adriana da Silva.

Rosalba vai usar dinheiro da Previdência para se livrar da inelegibilidade

O deputado estadual Fernando Mineiro (PT) foi o único a votar contra o Projeto de Lei que modifica e unifica os Fundos Financeiro e Previdenciário do Estado, na sessão desta quinta-feira (18). O parlamentar atentou para o fato de que o Governo do Estado fez uma manobra para usar o dinheiro da Previdência e evitar que Rosalba Ciarlini se torne inelegível.

Hoje, o sistema previdenciário do Estado tem dois Fundos: o Financeiro, deficitário, foi criado para acolher o servidor que estava no Estado até 2005, cujo rombo causado ao longo do tempo era coberto pelo Tesouro; e o Previdenciário, superavitário, para os servidores que ingressaram a partir de 2005, financiado pelas contribuições obrigatórias desses trabalhadores.

A votação de hoje desobriga, na prática, o pagamento do déficit da Previdência com recursos do Tesouro. "Com essa manobra, a governadora Rosalba Ciarlini vai posar de ter deixado o pagamento dos servidores em dia e se livrar de processos de inelegibilidade, de acordo com a Lei de Responsabilidade Fiscal", observou Mineiro.

"A última grande modificação feita no sistema previdenciário do Estado foi em 2005, quando os Fundos foram criados", observou o parlamentar. "Ao longo do tempo, os Governos foram usando, para outros fins, a verba da Previdência, desviando recursos depositados pelos servidores e chegando mesmo a não depositar a parcela patronal", continuou. Isso gerou um rombo, e a responsabilidade, até então, para cobri-lo era do Tesouro Estadual. Com a votação de hoje, o rombo causado pelo Estado volta para a conta dos próprios servidores.

"Esse projeto, que a maioria é a favor, é o que mais impacta a vida do servidor público estadual, e é lamentável e vergonhoso que essa Casa, no apagar das luzes, vote de afogadilho uma matéria com tanta repercussão", afirmou o deputado. "Dentro de poucos anos essa manobra feita hoje terá como consequência o aumento do rombo do Fundo Previdenciário", alertou.

"O Fundo superavitário tem, atualmente, cerca de 1 bilhão de reais destinados para cobrir a Previdência dos servidores que entraram no Estado a partir de 2005, ou seja, é um dinheiro deles, não do governo ou administração tal. A partir da votação do projeto, hoje, esses recursos serão usados para cobrir o rombo causado na Previdência antes de 2005", ressaltou Mineiro.

"Esses recursos foram alvo de cobiça do Governo Rosalba por três vezes, e o projeto estava parado, inclusive com a promessa dos deputados de que não seria aprovado", lembrou. "O que mudou de ontem para hoje?", questionou o parlamentar. "Essa Casa termina este período de forma melancólica".

Em sua fala, Mineiro reiterou, ainda, que a questão previdenciária é profunda e também um problema não só do Brasil, mas do mundo, decorrente do aumento da expectativa de vida da população. "É uma situação que precisa ser constantemente analisada, em particular quando se trata do serviço público", frisou, criticando a pressa em votar a matéria que sequer foi previamente anunciada.

Ivonete se despede do Senado pedindo a criação da Universidade Federal do Seridó

A senadora Ivonete Dantas (PMDB-RN) despediu-se do Senado nesta quarta-feira (18) pedindo ao governo a criação da Universidade Federal do Seridó, com sede na cidade de Caicó, do Rio Grande do Norte. Ela contou que, apesar da aridez, o Seridó possui um dos melhores índices de desenvolvimento humano do Nordeste, graças à liderança política, educacional e econômica de seu povo.
Segundo Ivonete Dantas, a instituição será um pólo de ensino, pesquisa e extensão para os 54 municípios do Rio Grande do Norte e da Paraíba que ficam na Ribeira do Seridó. A universidade também poderá garantir uma melhor formação e aproveitamento do capital humano da região, comentou a senadora.
“Queremos uma nova universidade com autonomia financeira, com administração sediada em nossa região, acreditando que a interiorização é importante porque também amplia as possibilidades de emprego público e de boa qualidade. Defendemos a criação da universidade federal para consolidar de vez o Seridó como um pólo educacional, atraindo um universo diverso de brasileiros para conhecer, pesquisa, desenvolver e expandir as vocações seridoenses”, afirmou a parlamentar.

Robinson e a Fé em Deus

No discurso, o governador eleito e diplomado Robinson Faria (PSD) foi logo justificando que não se tratou de um ato demagógico.
“Sou um homem de Fé e tenho que realmente agradecer a Deus essa vitória”.
É que já com o diploma em mãos, recebido ao lado da esposa Julianne e dos filhos Fábio, Natalia, Janine, Maria Fernanda, Maria Luiza e Gabriel, Robinson se ajoelhou na frente de todos os presentes.
Fotos: Márlio Forte
z
Robinson e a Família
z

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

FPM será depositado nas contas das Prefeituras com aumento de 11,3%

As Prefeituras receberão o segundo repasse do Fundo de participação dos Municípios (FPM) dezembro nesta sexta-feira (19). De acordo com informações da Confederação Nacional de Municípios (CNM), considerando o porcentual destinado ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (Fundeb), o montante será de R$ 1.508.397.926,46. Sem essa retenção, em valores brutos, o montante chega a R$ 1.885.497.408,08.
Com o repasse, o FPM de dezembro soma R$ 5,382 bilhões. No mesmo período de 2013, o montante estava em R$ 4,834 bilhões, em valores brutos. Ao comparar o repasse deste ano com o passado, o recurso apresentou aumento de 11,3%, em termos reais.

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Faleceu em Natal Dr. Edgar Montenegro avô do Deputado George Soares


Faleceu nesta quarta-feira, 17 de dezembro, por volta das 19:h50, o Dr: Edgard Borges Montenegro.
Edgard Borges Montenegro é, no sentido amplo da palavra, uma legenda viva… Um passageiro do tempo
Nasceu em Assu no dia 22 de junho de 1920, sendo o 3º de uma prole de 10 filhos, 03 morreram ainda crianças, inclusive a única mulher do casal Manoel de Melo Montenegro e dona Cândida Borges Montenegro.
Edgard recebeu as bênçãos do matrimônio no dia 28 de maio de 1946 com a Sra. Maria Montenegro de cujo matrimônio nasceram 07 filhos: Edgard Borges Montenegro Júnior, Edmar Macedo Montenegro, Paulo Roberto Macedo Montenegro, Rizza Maria Macedo Montenegro, Rejane Maria Montenegro Nunes Fernandes e Dália Maria Macedo Montenegro. Sua filha Rizza foi à primeira filha a lhe dar uma neta e uma bisneta.
Matriculou-se no Colégio “Nossa Senhora das Vitórias” no dia 04 de janeiro de 1928 onde fez o curso primário sendo da primeira turma masculina daquele estabelecimento de ensino. Depois freqüentou o Colégio Pedro II em Natal e, posteriormente, o Ginásio de Lavras, do Instituto Gamon em Minas Gerais. Ingressou na Escola Superior de Agronomia de Lavras onde se destacou como desportista. Fez parte da equipe de Basket-bol de 1940 e da primeira equipe de volley olímpica em 1941 onde participou, no ano de 1942, da olimpíada brasileira no Rio de Janeiro representando o estado de Minas Gerais. Época em que afirma ter adquirido muitos amigos dos diversos estados brasileiro.
Recebeu o seu diploma de Engenheiro Agrônomo no dia 08 de dezembro de 1945. Regressando a sua terra entrou na vida pública como o sexto Prefeito constitucional do município do Assu tendo sido eleito em 1948 e administrado este município de 1949 a 1953.
Neste período o Assu recebeu diversos benefícios públicos, tais como: Construção da Ponte Felipe Guerra; primeiras pavimentações a paralelepípedo; construção da Praça do Rosário, início da construção do prédio da Prefeitura Municipal do Assu, instalação do primeiro serviço de alto falante da região “A Voz do Município”, também pela primeira vez foi desobstruído o canal natural que abastece a Lagoa do Piató, e, entre outras obras, este presente na viabilização da instalação do Instituto Padre Ibiapina (1948), construção do Grupo Escolar Tenente Coronel José Correia (1949), início da construção da Escola Normal (atual escola Estadual Juscelino Kubitschek), CIBRAZEM e Hospital da Fundação SESP além de ter viabilizado a vinda do primeiro conjunto habitacional do Assu, conhecido como “Casas Populares” edificadas no atual bairro Dom Elizeu.